Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

  • MAIS BUSCADOS:




LIFESTYLE$type=grid$count=3$show=home

São Paulo Notícias | As Últimas Notícias do Brasil e do Mundo$type=three$count=3$show=home

ECONOMIA$type=three$count=3$show=home

CULTURA-LAZER$type=three$count=3$show=home

$type=three$count=3$show=home

ESPORTES$type=three$count=3$show=home

Inflação para os mais pobres chega a 10,63% no acumulado de 12 meses

ECONOMIA PESQUISA-IPEA

 


Cinco dos seis grupos de rendimento analisados pelo levantamento viram a inflação perder fôlego de julho para agosto

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - A inflação desacelerou em agosto para as famílias de renda mais baixa, mas os brasileiros mais pobres ainda sentem um impacto superior da disparada de preços. É o que indica estudo mensal divulgado nesta quarta-feira (15) pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).

Cinco dos seis grupos de rendimento analisados pelo levantamento viram a inflação perder fôlego de julho para agosto.

Entre as famílias de renda considerada muito baixa, a variação nos preços passou de 1,12% para 0,91%. Mesmo com a desaceleração, a inflação acumulada em 12 meses até agosto alcançou 10,63% nesse grupo –estava em 10,05% até julho.
Tanto o avanço de 0,91% quanto o de 10,63% são os maiores da pesquisa. Segundo o Ipea, as famílias de renda muito baixa são aquelas com rendimento domiciliar inferior a R$ 1.808,79 por mês.
Em 12 meses, o bolso dos brasileiros mais pobres foi pressionado especialmente pelos avanços de 16,6% nos alimentos no domicílio, de 21,1% na energia elétrica, de 31,7% no gás de botijão e de 5,6% nos medicamentos.
O estudo ressalta que, no acumulado, a inflação dos mais pobres segue "significativamente acima" da registrada pela classe de renda alta.
Entre os mais ricos, o avanço nos preços foi de 8,04% no acumulado até o mês passado. O grupo de renda alta é formado por famílias com rendimento domiciliar superior a R$ 17.764,49 por mês.
O acumulado dos mais ricos reflete os reajustes de 41,3% nos combustíveis, de 30,2% nas passagens aéreas e de 12,4% nos aparelhos eletroeletrônicos, além da recente recuperação dos preços dos serviços de recreação, cuja alta em 12 meses passou de 0,07% em janeiro para 5,3% em agosto.
No recorte mensal, de julho para agosto, a inflação da faixa de renda alta desacelerou de 0,88% para 0,78%, a menor do levantamento.
A exemplo das famílias de rendimento muito baixo, o segmento de renda considerada baixa (entre R$ 1.808,79 e R$ 2.702,88) também registrou variação de 0,91% em agosto, a maior do recorte mensal. Em julho, o resultado desse grupo havia sido de 1,07%.
Na renda média-baixa, a inflação foi de 0,90% em agosto, após a marca de 1,01% em julho. Essa faixa tem rendimento domiciliar entre R$ 2.702,88 e R$ 4.506,47 por mês.
Segundo o Ipea, o grupo de alimentação foi o que mais contribuiu para a alta inflacionária entre as famílias dos três segmentos de renda inferior em agosto. Nas faixas com ganhos superiores, o maior impacto veio do grupo de transportes.
Em agosto, o único dos seis grupos pesquisados que viu a inflação acelerar foi o de renda média-alta. Na comparação com julho, a variação desse segmento passou de 0,78% para 0,85%. A renda média-alta é formada por famílias com rendimento domiciliar entre R$ 8.956,26 e R$ 17.764,49 por mês.

Comentários

Nome

Brasil,24,CPI DA COVID-19,5,CULTURA-LAZER,3,ECONOMIA,39,ELEIÇÕES,5,esportes,24,EXCLUSIVO,15,FAMOSOS,21,JUSTIÇA,30,LIFESTYLE,9,MUNDO,24,política,64,Rede Metrópole FM,2,São Paulo Notícias,40,SAÚDE,15,TECH,3,
ltr
item
São Paulo Notícias Site Oficial | As Últimas Notícias do Brasil e do Mundo: Inflação para os mais pobres chega a 10,63% no acumulado de 12 meses
Inflação para os mais pobres chega a 10,63% no acumulado de 12 meses
ECONOMIA PESQUISA-IPEA
https://1.bp.blogspot.com/-_pSXzCqKnP4/YUIHM9TNIII/AAAAAAAAKoE/Xy_3yD6PmWotUvX_0KwtYAbzEUCbDKy6gCLcBGAsYHQ/w400-h225/naom_6142025d59462.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-_pSXzCqKnP4/YUIHM9TNIII/AAAAAAAAKoE/Xy_3yD6PmWotUvX_0KwtYAbzEUCbDKy6gCLcBGAsYHQ/s72-w400-c-h225/naom_6142025d59462.jpg
São Paulo Notícias Site Oficial | As Últimas Notícias do Brasil e do Mundo
https://www.saopaulonoticias.com/2021/09/inflacao-para-os-mais-pobres-chega-1063.html
https://www.saopaulonoticias.com/
https://www.saopaulonoticias.com/
https://www.saopaulonoticias.com/2021/09/inflacao-para-os-mais-pobres-chega-1063.html
true
262485415883466682
UTF-8
Carregar todas as matérias Nenhum resultado encontrado. Ver mais Leia mais Responder Cancelar resposta Apagar Por Início Páginas Matérias Ver todas Veja também Tópico Arquivo Buscar Todas as matérias Nenhum resultado encontrado para sua busca Voltar ao início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo Há 1 minuto Há $$1$$ minutos Há 1 hora Há $$1$$ horas Ontem Há $$1$$ dias Há $$1$$ semanas Há mais de 5 semanas Seguidores Siga ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhe em uma rede social PASSO 2: Clique no link da sua rede social Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor, pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar